Refletir sobre como a visão tradicional sobre o comportamento judicial pode ser “desmentida” empiricamente. Identificar como a influência de vieses afeta a tomada de decisão judicial e como isso pode ser perceptível nos casos de fixação de danos morais. Avaliar como o valor pedido pode fazer toda a diferença para a fixação do valor deferido pelos juízes – tendo como base uma pesquisa feita com processos de Juizados Especiais no Rio de Janeiro. Essa é a temática da palestra “A influência de fatores intuitivos na decisão judicial: o caso dos danos morais”, que o CEEM FGV promove no dia 29 de setembro (sexta), às 16h45min, em Caxias do Sul.

O tema será apresentado pelo professor do LLM em Direito Empresarial Fernando Leal, doutor em Direito pela Christian-Albrechts-Universität zu Kiel, com bolsa do Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD). Doutor e mestre em Direito Público, é coordenador acadêmico adjunto e membro do corpo permanente do mestrado em Direito da Regulação da FGV Direito Rio. Desenvolve pesquisas nas áreas de Teoria e Filosofia do Direito e Direito Constitucional.

De cunho beneficente e aberta ao público, a palestra tem como ingresso 1 kg de alimento não perecível que será doado para o Lar da Velhice São Francisco de Assis, que atende idosos carentes em Caxias do Sul.

Inscreva-se aqui.

Mais informações pelo telefone  (54) 3225.6644.

Escreva um comentário

Share This